Rosa

Rosa centifolia
 
 
 
Nome Botânico:
Rosa damascena, Rosa centifolia, Rosa galica.

Familia Botânica:
Rosaceae

Nome em inglês:
Rose.

Tipo de Planta:
A roseira é um arbusto de até 2 metros, com espinhos e flores bastante perfumadas.

Óleo Extraído de:
Flores.

Aparência do óleo:
Transparente/fluído quando destilado.
Escuro/denso quando extraído por solvente, na forma de absoluto.
 
Aroma:
Perfumado, floral e doce-mel.

Origem:
Marrocos, Bulgária, Turquia e França.

Principais constituintes:
Geraniol, citronelol, farnesol, nerol, eugenol, mirceno, serol.

Propriedades:
Antidepressivo, antiinflamatório, anti-séptico, antiespasmódico, afrodisíaco, bactericida, colagogo, depurativo, diurético, emenagogo, estimulante do fígado, laxativo, sedativo, estimulante do estômago e tônico.

Principal Utilização:

Sistema Geniturinário e Hormonal:
Tem efeito no corpo como um fito-hormônio, sendo um excelente regulador hormonal feminino e masculino. Trata problemas menstruais, cólicas, TPM, secreção vaginal, infertilidade, produção de sêmen, frigidez, impotência, problemas do útero e menopausa.
Possui um bom efeito afrodisíaco.
Trata problemas de ordem sexual.
 
Tônico Cardíaco e Circulatório:
Purifica o sangue e alivia a congestão cardíaca. Tonifica os capilares e tem ação descongestionante, em vez de estimulante.

Outras Utilizações:

Tratamento de Pele e Cabelo:
É um poderoso regenerador e rejuvenescedor dos tecidos.
Útil para todos os tipos de pele, embora seja especialmente benéfico para peles maduras, secas, ásperas, rachadas, resssecadas ou sensíveis. Tem ação tônica e suavizante para inflamações, escaras e problemas de pele como acne e dermatites. A rosa é um poderoso tônico para a juventude da pele, retarda e trata o seu envelhecimento, mantendo-a jovem e saudável.

Também tem efeito benéfico para tratar problemas respiratórios, dor de cabeça e cansaço muscular.

A rosa possui um efeito calmante e anti-inflamatório, sendo util por exemplo em casos de conjuntivite, onde se utiliza a compressa fria com chá das pétalas.

Psicologicamente:
Calmante e sedativo nervoso.
Bom contra depressão, TPM, pesar, raiva, ciúmes.
Alivia o stress, cansaço mental e ansiedade.
Estimulante do humor.

Combinações:
Lavanda, Gerânio, Laranja, Jasmim, Sândalo, Petitgrain, Hortelã, Ylang Ylang, Manjerona, Bergamota

Curiosidade:
Apesar de parecer delicado, o óleo de rosas é poderoso, principalmente no plano emocional.
O óleo é um dos mais caros da Aromaterapia, devido a grande quantidade de flores necessárias para a sua extração, para obter 1 litro de óleo essencial, são necessárias 4 toneladas de flores.
É caro e raro, sendo muitas vezes adulterado, trocado por essências sintéticas. Ou ainda substituído por óleos de aroma parecido, como a palmarosa.
O óleo essencial extraído da espécie Rosa damascena, conhecida como "Rosa da Bulgária", é o mais tradicional e famoso óleo de rosas do mundo.
A rosa é um óleo com aroma floral, doce e delicado, por isso muito apreciado por mulheres, e parece ter um efeito renovador e milagroso para problemas que as afligem. Mas também tem efeito nos homens, pois é um poderoso afrodisíaco e trata vários problemas de ordem sexual, cardíaca e de pele.

Cuidados:
Usar diluído.








O médico e filósofo árabe Avicenna (980 - 1073), foi muito provavelmente, o primeiro estudioso no assunto, a descobrir o processo de destilação dos óleos essenciais. E a rosa foi sua primeira experiência nessa área, isso ocorreu no século X.
Porém mesmo antes disso, a rosa já era usada por povos antigos, como os egípcios, para adquirir óleos e unguentos perfumados, para tratar o corpo. O óleo perfumado com rosa na antiguidade, era considerado um poderoso calmante para inflamações da pele e dos orgãos.




  




rosa (assim como o sândalo
e o jasmim) é muito utilizada
em óleos aromáticos
usados nas massagens
indianas (ayurvedicas),
também em receitas cosméticas
na Índia e em vários países do oriente.





 

 






Processo de extração do óleo de
rosas no século XVIII. 



O óleo de rosas na Idade Média era um dos mais produzidos para a fabricação de perfumes, tornando-se um dos mais caros e nobres artigos aromáticos da época. A França se tornou o berço da perfumaria, e seus perfumistas os mais respeitados no velho mundo.



 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

ROSA
(Rosa centifolia)
 
 
 
 
 
 


 

 
 









Nenhum comentário:

Postar um comentário