Aquiléia

Achillea millefolium
 
  

Nome Botânico:
Achillea millefolium.

Família Botânica:
Asteraceae.

Outros Nomes:
Milefólio, Mil-folhas.

Nome em Inglês:
Yarrow.

Nome em Espanhol:
Milenrama.

Óleo Extraído de:
Folhas e flores.

Aparência do óleo:
Transparente azul/fluído.
 
Aroma:
Amargo-adocicado, herbal e fresco.

Origem:
Europa e Ásia.

Propriedades:
Anti-inflamatório, anti-séptico, anti-espasmódico, adstringente, colagogo, diurético, expectorante, febrífugo, estimulante, tônico, analgésico, anti-oxidante, anti-viral, calmante, digestivo, hipotensor e carminativo.

Principais Constituintes:
Borneol, cineol, azuleno, limoneno, pineno.
 
Principal Utilização:

Sistema Digestivo:
Trata flatulência, diarréia, gastralgia, gastrite, vômitos, dores estomacais, má digestão, prisão de ventre e cólicas.  Ativa a bílis, auxiliando a digestão de gorduras e estimulando o apetite.

Sistema Hormonal e Geniturinário:
É um fito-hormônio, tratando problemas como TPM, irregularidade menstrual e problemas hormonais. É boa para muitos desarranjos femininos, incluindo mentruação escassa, irregular, dolorida, perda excessiva de sangue, hemorragia uterina, inflamação no ovário, prolapso uterino e fibromas.

Outras Utilizações:

Sistema Muscular:
Suas qualidades analgésicas e sedativas são eficazes em dores musculares e reumatismo.

Sistema Circulatório:
É um tônico para a circulação, estimula a renovação do sangue. Ameniza problemas de circulação como varizes e hemorroidas

Tratamento da pele:
O óleo da aquiléia é muito benéfico para a pele. Tem uma ação lenta porém eficaz como cicatrizante em feridas, cortes, rachaduras,  e ulcerações. Equilibra a oleosidade da pele e do couro cabeludo, e pode ajudar o crescimento dos cabelos. 

Psicologicamente:
Altamente relaxante, alivia o stress e a ansiedade. Também controla a hipertensão e insônia.

Curiosidades:
A aquiléia ou milefólio é da mesma família da Camomila Alemã, possuindo propriedades terapêuticas semelhantes, inclusive o mesmo componente químico: o azuleno, que dá ao óleo essencial a cor azul-escura.
Assim como o óleo de Camomila, esse é um poderoso cicatrizante e reparador do sistema digestivo.

Cuidados:
Usa-lo diluído. Evitar na gravidez.

Combinações:
Lavanda, Neroli, Bergamota, Jasmim, Rosa, Palmarosa, Ylang-ylang, Petitgrain, Sândalo, Sálvia, Laranja, Tangerina, Cedro, Vetiver, Hortelã.
 
 
  
 
 
 
 
 







O nome da erva (Achillea) deriva do herói da Ilíada, Achilles. Guerreiro poderoso e destemido que ajudou na batalha de Tróia. Segundo a história, Aquíles era conhecedor do poder curativo das ervas e usava a aquiléia para curar seus ferimentos das batalhas. Isso nos mostra que a erva era conhecida e usada por seus benefícios medicinais desde a antiguidade e permaneceu com essa reputação até a Idade Média, onde era usada para curar infecções, resfriado, febres, ferimentos, estancar sangramentos, etc...
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

AQUILÉIA
(Achillea millefolium)
 
 
 
 
 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 



Nenhum comentário:

Postar um comentário