Hissopo

Hyssopus officinalis
 
 

Nome Botânico:
Hyssopus officinalis.

Família Botânica:
Lamiaceae.
(Hortelã, Orégano, Tomilho, Sálvia, Lavanda, Manjericão, Manjerona, Alecrim, Patchouli).

Nome em inglês:
Hyssop

Tipo de Planta:
Arbusto com flores rosadas, azuladas e violetas.

Óleo Extraído de:
Folhas e Flores.

Aparência do óleo:
Transparente/fluído.
 
Aroma:
Fresco, herbal, floral e intenso.

Origem:
Alemanha, França, Itália e região mediterrânea.

Propriedades:
Anti-reumático, anti-séptico, antiespasmódico, adstringente, estimulante do coração, carminativo, cicatrizante, digestivo, diurético, emenagogo, expectorante, emoliente, tônico estomacal, sudorífero, vermífugo e hipertensor.

Principais Constituintes:
Borneol, linalol (álcool), cânfora, pinocanfona, tujona (cetona), cadineno (sesquiterpeno), canfeno e pineno (terpenos).

Principal Utilização:
O Hissopo é o óleo de limpeza. Física e emocional.

Sistema Respiratório:
É um óleo muito bom para os pulmões, ajudando a expandir a respiração e purifica-la.
Trata a sinusite, bronquite, asma, resfriado, gripe, tosse, catarro, dor e infecção de garganta, coqueluche, coriza.

Sistema Circulatório:
É um estimulante circulatório. Regula a pressão arterial sendo bom para quem sofre de Pressão Baixa ou Alta.

Sistema Imunológico:
Contra infecções virais e bacterianas, debilidade geral, baixa imunidade e cansaço fisico. Baixa a febre.

Tratamento de Pele:
É cicatrizante e anti-séptico. Trata manchas, infecções, feridas, escoriações, hematomas, eczemas, dermatite, Herpes I.

Sistema Disgestivo:
É um tônico para a digestão, agindo como um laxante brando. Ajuda a expelir gases, alivia o espasmo estomacal e se acredita que auxilia na expulsão de parasitas intestinais. Ajuda a recuperar o apetite e facilita a digestão de gorduras.

Outras Utilizações:

Regula a menstruação (estimulante), tratamento de leucorréia e amenorréia.
 
Bom para artrite, reumatismo e gota, alem de cansaço muscular.

Psicologicamente:
É estimulante do ânimo. Alivia esgotamento mental, fraqueza e falta de concentração. Tem um efeito revigorante sobre a mente, dando sensação de vivacidade e clareza. Afasta emoções negativas, depressão, e tensões.

Combinações:
Lavanda, Junípero, Limão , Lemongrass , Tomilho, Cedro, Sândalo, Laranja, Hortelã, Tea tree, Pinho, Alecrim, Cravo, Cipreste, Citronela, Benjoim, Olíbano, Mirra.

Cuidados:
Usar diluído.
Evitar na gravidez e em crianças menores de 07 anos.
Evitar em epiléticos e hipertensos.

Curiosidades:
O Hissopo é uma erva usada para limpeza desde os tempos dos Hebreus e Egípcios, usado para limpar os ambientes e o corpo para a meditação, oração e cura. O nome deriva do hebreu Ezoph e do grego Azob. Foi provavelmente levado para a Europa no século X por monges beneditinos, que o usavam como ingrediente em licores. Foi uma das ervas mais disseminadas na Idade Média e era usada para afastar piolhos. As folhas eram colocadas sobre as feridas e pareciam curá-las rapidamente. Na verdade, por suas propriedades desodorizantes, o hissopo era empregado na limpeza e na purificação de templos sagrados e durante muito tempo foi considerado uma planta sagrada. Foi em uma vara de hissopo que a esponja banhada em vinagre foi levada até Jesus, na cruz.




 
 
 
 




O hissopo é uma das plantas
citadas na Bíblia. Considerada
uma erva sagrada e com
poderes purificadores e medicinais.



Purifica-me com hissopo e ficarei limpo!
 Lava-me e ficarei mais branco que a neve
!”
(Salmos 51:9)










 
 
 
 


HISSOPO
(Hyssopus officinalis)
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 











Nenhum comentário:

Postar um comentário